segunda-feira, maio 22, 2006

Alguém precisa de ajuda?

Pode ser alguma coisa na forma que eu caminho, tentando nunca mostrar indecisão (mesmo que eu esteja completamente perdido), mas o fato é que, em qualquer lugar, pessoas sempre vem me pedir informações. Seja em Montréal, quando visitava a Bia e não conseguíamos dizer muito além do “Je suis désolé” pra um casal que nos parou, seja na curta escala de algumas horas que fiz na Alemanha quando ía pra Israel, em que uma senhora me parou no trem e nem dizer “eu não falo alemão” eu sabia, o fato é que as pessoas devem achar que eu tenho cara de local, em tudo que é lugar.

Bom, pelo menos é o que eu achava. Agora penso que é essa minha cara de bom samaritano, mesmo. Só isso explica o que aconteceu ontem, quando japoneses vieram me pedir informações! Estava voltando do laboratório, de fones de ouvido, quando ouvi a distância um “sumimasen” (com licença), depois, outro. Não devia ser comigo, pensei, já que outros japoneses estavam por perto, e continuei andando, até ouvir um “excuse me”. Era comigo mesmo! Um casal perdido querendo saber onde ficava a estação Yoyogi-Uehara (代々木上原), coincidentemente, a minha estação. Estava indo pra lá e disse que eles podiam me seguir (em inglês, claro). Não tenho como passar por japonês, então deve ser a minha cara, ou o andar confiante, um dos dois, só pode ser...

7 comentários:

Claus disse...

Eh, meu, voce tem essa cara de guia turistico mesmo :-P. Ou entao sao os japas de komaba, que gostam de pedir informacoes para estrangeiros:

Outra vez eu estava subindo da toudaimae para o lodge, e uma velhinha (daquelas tao velhinhas que ja perdeu 50 cm) me perguntou onde ficava o mingeikan. (ei, e se voce nao foi ainda no mingeikan, nao faca como eu, que deixou para sair de komaba antes de ir la).

Falous.

Guillermo disse...

Drebes, o bom samaritano. :-)

Nanda disse...

bom samaritano... arran... e eu aqui, me enrolando com o pc pra mae olhar teu blog... :)

makimaedinha disse...

Não acredito q td o tempo aqui no Brasil esperando pra partir pro outro lado do mundo e vc não ensinou sua mãe a mexer no pc?...bom samaritano sim...ahan...hihi

Tiago Fioreze disse...

Drebes... tenho que admitir que tu tens jeito mesmo de bom samaritano :)
Abraço!

Biba disse...

Adorei!!!

Se tu for pra Budapeste com certeza vao te perguntar algo. Mas isso eh normal lah porque os turistas fazem perguntas mais entre si - os hungaros nao sao muito do ingles, mais alemao e hungaro.

Beijos!

Thaisinha disse...

Drebiss Jose! Conta a verdade pra nos vai, tu fizestes uma plastica e agora ta com os olhinhos puxadinhos :) Na real todo mundo ve que tu es um bom menino, tem bom coracao!!!
Legal tuas historinhas, soh espero que nenhum terremoto mais forte aconteca por ai.

Te cuida guri! Saudades e beijos pra ti...